Histórico

No ano de 1969, a Universidade de Passo Fundo uniu-se ao Centro de Ci√™ncias do Estado do Rio Grande do Sul (Cecirs), que iniciava um processo de regionaliza√ß√£o das feiras de ci√™ncias no estado, criando a 1¬ļ Feira de Ci√™ncias da UPF.

Em 2004, a Universidade e a empresa Pioneer Sementes Ltda., promoveram uma a√ß√£o de resgate com a realiza√ß√£o da 2¬™ FEIRA DE CI√äNCIAS UPF/PIONEER 2004 ‚Äď RESGATE 35 ANOS ‚Äď 1969.¬†

Em 2005 aconteceu a 3¬™ Feira de Ci√™ncias, com o tema ‚ÄúCi√™ncia e Qualidade de Vida‚ÄĚ. ¬†

A partir de 2006, al√©m da premia√ß√£o das escolas e dos alunos classificados nos primeiros tr√™s lugares, o professor orientador tamb√©m recebeu pr√™mio. Os alunos do ensino fundamental que participaram da 4¬™ Feira de Ci√™ncias receberam pr√™mios na categoria ‚ÄúCi√™ncia, √©tica e desenvolvimento sustent√°vel‚ÄĚ.

‚ÄúHeliof√≠sica: energia, biodiversidade e produtividade‚ÄĚ, foi o tema articulador da 5¬™ Feira de Ci√™ncias, que aconteceu em 2007. Na ocasi√£o, oportunizou-se a participa√ß√£o dos inventores independentes da regi√£o, passando o evento a denominar-se 5¬™ Feira de Ci√™ncias e 1¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica.¬†

A 6¬™ Feira de Ci√™ncias e 2¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica, ocorreu em 2008, com o tema ‚ÄúEntender e pensar a sustentabilidade do planeta‚ÄĚ. Houve altera√ß√£o regimental prevendo a cria√ß√£o da premia√ß√£o da categoria Jovem T√©cnico Pesquisador, estabelecendo que os tr√™s primeiros classificados nessa categoria fossem premiados.

Com o tema ‚ÄúCi√™ncia e cultura‚ÄĚ, ocorreu a 7¬™ Feira de Ci√™ncias e 3¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica, no ano de 2009.¬†

Em 2010, os projetos apresentados pelas escolas na 8¬™ Feira de Ci√™ncias e 4¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica orientaram-se na tem√°tica ‚ÄúCi√™ncias e Tecnologias Sociais‚ÄĚ.

Na edi√ß√£o de 2011 o tema da 9¬™ Feira de Ci√™ncias e 5¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica foi ‚ÄúCi√™ncia e Educa√ß√£o: conhecimento, modernidade e √©tica para o desenvolvimento sustent√°vel‚ÄĚ. Dessa forma, pela experi√™ncia proporcionada pelo projeto de extens√£o 9¬™ Feira de Ci√™ncias e 5¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica: intera√ß√£o universidade, escola e comunidade, e pelas perspectivas em vista ao futuro, esse evento revelou-se extremamente importante como est√≠mulo ao desenvolvimento da capacidade de investiga√ß√£o dos estudantes de ensino fundamental, m√©dio e t√©cnico. Como decorr√™ncia do processo avaliativo prop√īs-se transformar o formato do projeto, adequando-o √† realidade vivida pelo p√ļblico alvo, jovens da ‚Äúgera√ß√£o y‚ÄĚ. Assim, a proposta centrou-se na altera√ß√£o da forma de apresenta√ß√£o dos projetos, de exposi√ß√£o presencial para o formato online, atrav√©s da produ√ß√£o de v√≠deos.

A edi√ß√£o de 2012 foi realizada no mesmo formato de 2011. Assim, a 10¬™ Feira de Ci√™ncias e 6¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica teve como tema ‚ÄúEnergia Sustent√°vel: garantindo a qualidade de vida‚ÄĚ.

Na 11¬™ edi√ß√£o da Feira de Ci√™ncias e 7¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica em 2013, ‚Äú√Āgua: responsabilidades, preocupa√ß√Ķes e perspectivas‚ÄĚ foi o tema proposto para orientar a execu√ß√£o dos projetos de pesquisa.

A 12¬™ Feira de Ci√™ncias e 8¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica, que aconteceu em 2014, teve como tema proposto para o desenvolvimento dos projetos de pesquisa ‚ÄúContribui√ß√Ķes para a melhoria da qualidade de vida na agricultura familiar‚ÄĚ.

A 13¬™ da Feira de Ci√™ncias e 9¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica, que aconteceu em 2015, teve como tema orientador para o desenvolvimento dos projetos de pesquisa: ‚ÄúSolo e Luz: desafios para preservar a diversidade da vida na terra‚ÄĚ.

Na 14¬™ da Feira de Ci√™ncias e 10¬™ Mostra de Inova√ß√£o Tecnol√≥gica, que aconteceu em outubro de 2016, buscou-se um tema problematizador para o desenvolvimento de projetos de pesquisa: ‚ÄúCidadania planet√°ria: sementes nutritivas para um futuro sustent√°vel‚ÄĚ.

Para 15¬™ edi√ß√£o da Feira de Ci√™ncias e 11¬™ Mostra de inova√ß√£o tecnol√≥gica que acontecer√° em novembro de 2017, problematizando o tema ‚ÄúTurismo e sustentabilidade: valoriza√ß√£o do patrim√īnio cultural, na perspectiva econ√īmica, social e ambiental‚ÄĚ deseja-se ¬†repetir o sucesso dos anos anteriores, com o desafio para que escolas, professores e estudantes pesquisassem sobre o tema e venham mostrar para a comunidade regional.

Mais de 50 munic√≠pios j√° participaram da Feira de Ci√™ncias da UPF, por meio de escolas do ensino fundamental, m√©dio e t√©cnico tanto particulares quanto p√ļblicas, totalizando mais de 500 trabalhos selecionados.

Para cada edição, o tema para a elaboração dos projetos é publicado no edital correspondente, procurando seguir a indicação da ONU/UNESCO para cada ano, buscando abranger todas as áreas do conhecimento.